domingo, 25 de janeiro de 2009



Tantas vezes ouvida no frio da noite...
Nem sei porque a ouvia
Tanto tempo passou...

Porquê ?
Não sei porquê...

5 comentários:

Colibri disse...

Olá,

Belíssima canção essa que nos leva pelas ondas da nossa imaginação num suave pensar do nosso coração...

Beijos
Colibri
------
Os meus últimos sentires…
Eis-me aqui: Testemunho dramático…
Colibrir as Emoções: A filha da onça…
Traços de Angola: Parte 11 - Fotos do Lobito (Parte I)…
Corais dos Recifes: Camarões ornamentais…

mateo disse...

O título do teu blog é a resposta ao teu porquê.
Experimenta deixar entreaberta uma qualquer porta de ti.
BJs

sonhos disse...

A letra da musica será uma resposta ao teu porquê?

Beijinhos

soggyscheme disse...

bela canção, transmite-nos um sentimento de reflexão interna, faz-nos ouvir a música e sair do nosso eu e voar, voar...

a tua resposta é a tua pergunta.. "porquê", está tudo aí. reflecte, e vais ver que tudo está aí.

Livre disse...

Sabes bem porquê... Sabes bem porque não somos imortais, sabes bem porque é que nos deixou assim, sabes bem mãe.
Não vale a pena interrogares-te vezes sem conta, porque eu já o fiz e sabes que mais?! Continuei sem respostas aos meus porquês .
AMO-TE MÃE, mesmo mesmo
(Fogo, não consigo vir aqui sem chorar, carago)